Início » Postagens » dúvidas frequentes

dúvidas frequentes

Dúvidas gerais:

1) Não tenho pseudônimo, posso assinar com a abreviatura?
R – O pseudônimo em concursos literários é nome falso apenas para determinada ocasião. Não é um nome a ser adotado indefinidamente como um nome artístico. É aconselhável não usar pseudônimo nem fixar um pseudônimo indefinidamente.

2) Pseudônimo e nome artístico são a mesma coisa?
R – Não. Sobre o pseudônimo respondemos acima. Já o nome artístico é um nome que o autor adota diferente de seu nome civil por considerar este difícil ou por achar que o nome artístico lhe identifica melhor. As razões são as mais diversas. O importante é que o nome artístico é de uso constante ao contrário do pseudônimo. Alguns exemplos: Ferreira Gullar se chama José de Ribamar Ferreira; Marques Rebelo é na verdade Eddy Dias da Cruz; Lewis Carroll é Charles Lutwidge Dodson; Malba Tahan foi batizado Júlio César de Melo e Sousa; e Pablo Neruda tem na certidão de nascimento Ricardo Eliecer Neftalí Reyes Basoalto.

3) Como funciona a cessão de direitos autorais?
R – A cessão de direitos autorais a que se referem as diretrizes é apenas para a edição fruto deste certame. Não havendo cessão de direitos de edição, não faria sentido o certame, posto não resultar nos livros e nas antologias.

4) Os textos serão de exclusividade da Editora?
R – Não. A própria intelectual dos poemas continuam com o autor.

Sobre a categoria 01 – livro completo de poemas:

1) Tenho que mandar apenas poemas ou apenas sonetos para esta categoria?
R – Não. Você pode enviar poemas de quaisquer tipos: sonetos, trovas, haicais, epitalâmios, elegias, nênias, etc.

2) No item 2, diz que os poemas enviados não podem ter sido “publicados como livro ou premiados como livro em outro certame”.
Posso enviar 25 poemas publicados e/ou premiados em publicações ou certames diferentes?
R – Sim.

3) O livro premiado poderá ser publicado por outra editora em outra ocasião?
R – Sim, Claro. A liberação dos direitos autorais é apenas para as edições deste certame. Os direitos autorais continuam com os autores.

4) É necessário enviar prefácio, dedicatória, agradecimentos etc.?
R – Não. Para concorrer, mande apenas os poemas. Depois, caso premiado, esses detalhes serão acertados.

5) A capa tem que ser feita pela editora ou posso mandar a minha capa?
R – Apenas após a premiação, a capa poderá ser escolhida por você ou feita pela editora, que solicitará sua aprovação.

6) No regulamento diz que podem ser enviadas várias inscrições. Nesta categoria, o mesmo autor poderá ser premiado duas vezes?
R – Nesta categoria, não. Isso somente poderá ocorrer na categoria três.

7) Quem vai custear a postagem dos exemplares?
R – A Editora irá custear a postagem dos três primeiros colocados.

Sobre a categoria 2 – seleção de poemas

1) Quantos poemas posso mandar?
R – No máximo 10, mas pode mandar um único poema que ocupe entre no máximo 8 páginas.

2) Posso mandar cordel?
R – Sim, o cordel é uma das melhores realizações poéticas com longa tradição.

3) No regulamento diz que podem ser enviadas várias inscrições. Nesta categoria, o mesmo autor poderá ser premiado duas vezes?
R – Nesta categoria, não. Isso somente poderá ocorrer na categoria três.

4) Quem vai custear a postagem dos exemplares?
R – A Editora irá custear a postagem dos três primeiros colocados e das menções honrosas.

Sobre a Categoria 3 – poemas avulsos, sonetos avulsos

1) Vocês só vão premiar e publicar os três primeiros? Ou serão três sonetos e três poemas? Como é?
R – Não. Serão publicados os três melhores poemas + os três melhores sonetos, acrescidos de até 20 poemas + até 20 sonetos.

2) As menções honrosas e as menções especiais correspondem a publicação cooperativada?
R – Não. Os textos outorgados não serão publicados de forma cooperativada. Não haverá custo adicional para o autor.

3) No regulamento diz que podem ser enviadas várias inscrições. Nesta categoria, o mesmo autor poderá ser premiado duas vezes?
R – Sim, apenas nesta categoria o mesmo autor poderá ter mais de um poema premiado e mais de um soneto premiado.

4) Quem vai custear a postagem dos exemplares?
R – A Editora irá custear a postagem dos três primeiros colocados e das menções honrosas.

5) Apenas para esta categoria exige-se ineditismo. Poema postado no facebook deixou de ser inédito?
R – Este é um ponto controverso. Vamos considerar como já publicado qualquer texto que posso ser encontrado na net através de busca simples num mecanismo de busca, além daqueles publicados em jornais e livros.

6) Mandei o poema para outro certame e também para vocês. O resultado do outro saiu primeiro. Estou desclassificado?
R – Não. O importante é o ineditismo até o dia da inscrição.

 

Caso sua dúvida não esteja contemplada aqui, escreva-nos!

Um pensamento sobre “dúvidas frequentes

  1. FAQ muito útil mesmo! Parabéns !Quantos autores deixam de concorrer a concursos por não compreender muito bem os quesitos ! …
    Clevane Pessoa.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s